Archive for setembro \21\UTC 2009

poema 019

segunda-feira, setembro 21, 2009

por favor, entenda

Ah,
deixa eu soltar a minha voz
e lembrar aquela música que mais ninguém cantou
outra vez assim.

Eu vou rasgar os meus poemas
e vou queimar todos os meus livros.
Eu vou queimar…
e vou sorrir.

Mas se eu chorar, não se engane,
apenas cante aquela música que ninguém mais cantou
naquele tom.

Eu vou quebrar os meus discos
e vou apagar os meus vídeos.
Eu vou pagar a minha conta
e, antes de ir embora,
vou fazer de conta que minha vida é uma canção.

Quando eu cantar,
eu vou queimar e vou sorrir.
Mas não esqueça: este sorriso
é uma luta.

E se eu chorar, não se espante,
ande, segue em frente.
Eu já paguei a conta
e agora eu vou fazer de conta que minha vida é esta canção.

poema 018

quarta-feira, setembro 16, 2009

Família

É melhor partir antes que te partam.