poema 050

Apagar o mundo
pintar um novo dia
com as cores
da sua mão aberta

Traduzir a vida
numa ciência vera
eu lembro que poesia
é brincadeira séria

Inventar sentido
dar um sentimento
para o céu azul
de uma tarde cheia

Assoviar na brisa
perfumar o tempo
vem a Lua e dança
acender a noite

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: