poema 092

o botão da Rosa

Mas oh não se esqueçam
da rosa da rosa
(Vinícius de Moraes)

a rosa de Hiroshima canta como um coral
bem orquestrado e divinamente regido.
a voz de um milhão de crianças ecoa em cada pétala
ensanguentada, em cada alvorada
catastrófica, em algumas manchetes
da última hora.

a rosa ecoa ecoa
ecoa

Nagasaki, Armênia, Oscar Freire,
Ruanda, Carandiru, Nova York,
Daslu, Varsóvia, Gaza,
Boston, Carajás, Haiti,
Iraque, Bósnia, Alemão,
Afeganistão, Canudos, Vietnã
Nanquim, Bósnia, a rua da minha casa.

uma canção brotou tingindo
as cores de todas as bandeiras
desfraldadas nas fronteiras de todos os quintais.
e os lençóis de puro linho estão despetalados.

a rosa ecoa ecoa
ecoa

em cada canto há uma botão de rosa
prestes a explodir seu canto.

Uma resposta to “poema 092”

  1. Jorge Says:

    mudança:

    “catastrófica, em cada manchete” –> “catastrófica, em algumas manchetes”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: