Eu estava na minha casa e eu esperava que a chuva viesse

Eu estava na minha casa e esperava que a chuva viesse.
Eu olhava o céu como fazia todos os dias, como fiz todos os dias,
eu olhava o céu e olhava também a campina que descia suavemente e se alongava desde nossa casa, a estrada que desaparecia por detrás do bosque, lá.

Eu olhava, era noite e é sempre à noite que eu olho, sempre à noite que eu me encosto à porta e olho.
Eu estava aqui, de pé como estou todos os dias, como todos os dias eu estive, eu acho.
Eu estava aqui, de pé, e eu esperava que a chuva viesse, que ela caísse sobre o campo, os campos e os bosques e nossa tranquilidade.

Eu esperava.

Não foi isso que eu sempre fiz, esperar?

(E na minha cabeça ainda eu pensava isto: não foi sempre isso que eu fiz? esperar? e isso me fez sorrir, de me ver assim.)

Uma resposta to “Eu estava na minha casa e eu esperava que a chuva viesse”

  1. Jorge Says:

    trata-se de uma primeira e não trabalhada tradução de “J’étais dans ma maison et j’attendais que la pluie vienne” do dramaturgo e diretor francês Jean-Luc Lagarce.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: